OS na Saúde em Arraial do Cabo receberá R$ 327 milhões em 2 anos

POLITICANDO

Como noticiamos a Prefeitura Municipal de Arraial do Cabo, sob o comando do ‘gestor’ Marcelo Magno, está em processo de terceirização da gestão da saúde do município com a implantação das polêmicas OS, organizações sociais envolvidas em escândalos de corrupção Brasil a fora.

De acordo com informações, oficiais, o custo anual será de R$ 163.659.484,44.
Em dois anos serão gastos R$ 327.318.968,88 (trezentos e vinte sete milhões, trezentos e dezoito mil, novecentos e sessenta e oito reais e oitenta e oito centavos).

Só para os leitores, Ouvintes e seguidores entenderem o que representam tais valores, o orçamento anual da Secretaria de Saúde de Cabo Frio foi de R$ 245.300.0000 (duzentos e quarenta e cinco milhões e trezentos mil) em 2022, para atender uma população de 210 mil habitantes, aproximadamente.
O valor aproximado por habitante seria de R$ 1.168,00.

O pequeno Arraial do Cabo, com uma população estimada em 30.000 habitantes gastará cerca de R$ 5.455,00 por habitante.
O custo por habitante será cinco vezes maior do que em Cabo Frio.

Comenta-se no cabo, que Arraial jamais presenciou licitações com esses valores milionários e astronômicos.
‘Tá parecendo licitação da Petrobras ou dos estádios da Copa do Mundo’, comenta um morador.

Enquanto isso, a Saúde de Arraial do Cabo funciona capenga, não paga portão, mesmo com milhões de orçamento. Isso sem falar no abandono na infraestrutura da cidade, que tem gerado críticas de moradores, turistas e visitantes.

Com informações do portal A Shama

Compartilhar

Facebook
WhatsApp
Email

O jornalista Juarez Volotão apresenta o Programa “Falando Francamente Com Você”, de segunda a sexta, às 8h na Nossa Rádio 102,5 FM e também escreve para O Dia Búzios.